Featured

8/Psicologia/custom

Nem todo o vinho melhora com o passar do tempo - (Victor Garcia Preto)

by abril 15, 2021


Sobre o Autor: 
Victor Garcia Preto   
Formado em Ciências Contábeis. 29 anos, Resido Ribeirão Preto.  Tenho um perfil de textos no Instagram: @textosinceros. Segue lá.

              




Esse texto não é uma análise técnica sobre vinhos, bebidas alcóolicas ou algo semelhante. Tampouco sou especialista, sommelier ou alguma profissão relacionada. O que farei será uma analogia, fruto de reflexão e observações. Espero que entendam a proposta e apreciem a discussão proposta nessa obra.


Acreditei durante parte da vida, que o vinho, quanto mais "velho", antigo; melhor. Ou seja, a bebida se aperfeiçoa com o passar do tempo. O que é uma meia verdade.


O fato, é que para se tornar uma bebida de melhor qualidade, o vinho - e outras bebidas - precisam permanecer em condições ideais. No recipiente correto, na temperatura certa, na posição correta, com a iluminação adequada. Deixar uma garrafa qualquer de vinho de maneira aleatória na estante de casa não a tornará uma bebida melhor; possivelmente, o tempo irá deixá-la até pior.

 
A ideia de que basta a passagem de tempo para aprimoramento, é completamente equivocada. O mesmo vale para o ser humano. 


Alguns evoluem com o passar dos anos, outros estagnam, e um percentual considerável regride. Por mais cruel que isso possa parecer, é a realidade.


Muitas pessoas eram mais sensatas, equilibradas e possuidoras de outras virtudes aos dezesseis, do que aos vinte. Aos vinte, e não as vinte e cinco. Aos trinta, e não aos sessenta. Sem dúvidas, o oposto ocorre com outros, onde a passagem do tempo torna pessoas com cada vez mais virtudes. Aprendem com os erros e não se perdem em seus desejos.


Na alusão, cada garrafa de vinho é única. Mesmo que algumas compartilhem da mesma qualidade de uva, da mesma garrafa, do mesmo método de fabricação e outros fatores similares. Algumas garrafas podem inicialmente serem muito parecidas com outras, mas na prática, todas são diferentes e irão maturar de forma diferente.


Outra comparação parecida e a qual faz sentido é com a questão das frutas. Dependendo o modo com que é apanhado do pé ou que permanece no pé, as condições em que são mantidas, há frutas que jamais amadurecem, apenas apodrecem. Algumas se mantém verdes, outras atingem o maior ponto de maturidade. Há frutas, como a manga, que são apreciadas ainda verdes, geralmente para se comer com sal. Algumas frutas não podem amadurecer muito, outras é impossível se comer antes do ponto total de maturidade.


Escolha o exemplo que preferir, para a comparação. Essas alegorias mostram com fato que o tempo não faz com que todos se aperfeiçoem. É curioso como qualquer individuo - e me incluo - pode trocar os pés pelas mãos a qualquer momento da vida.


É preciso tomar cuidado para não apodrecer, o simplesmente cair de maduro. Talvez permanecer verde para sempre também não seja o ideal.


Alguns vinhos, por estarem nas condições especiais, se tornam melhores e mais valiosos com o passar do tempo. Contudo, no caso dessa bebida, o tempo pode fazê-lo perder as propriedades originais, se transformando no famoso "vinagre balsâmico'. Até mesmo o vinho, corre o risco de se transformar em vinagre, embora para alguns essa "transformação" possa ser o melhor caminho, o objetivo e meta a serem alcançados, enquanto para outros o pior. 


Cada individuo tem sua peculiaridade, o que é ideal para um, não necessariamente será para outro. Há pessoas que sonham a vida toda em se casarem e terem filhos, enquanto outros, exatamente ao contrário. O que é uma meta e realização para uns, será a frustração de outros. Acontece essa forma em todos os âmbitos e categorias.


Existem vinhos para situações, climas e combinações gastronômicas distintas. Por isso não se pode esperar que um vinho com determinadas especificações, se torne ideal para as propriedades de uma bebida de outra finalidade. Não se pode - ou pelo menos não deveria - impor ao ser humano regras precisas de como deve agir, como conduzir sua vida, como se houvesse uma estrada determinada. 


A vida não é uma receita de bolo. As pessoas são diferentes, com necessidades, características e metas distintas. Um bom vinho não necessariamente agradará a todos, será a preferência e tão pouco é adequado para todas as ocasiões. Isso não impede de ser de ótima qualidade. Embora existam critérios bem claros para se avaliar na bebida, o aroma é um exemplo, o melhor também entra no campo da subjetividade. Não significa que o mais caro, certamente será o melhor ou o que mais agrada. Tão pouco o país de produção. Embora todos saibam que vinhos chilenos e italianos em geral possuem ótima qualidade, não significa que sempre serão melhores que produções de países menos conceituados.


De alguma forma, mesmo com adversidades, todos os vinhos tem oportunidade de se aprimorarem, mas é preciso encontrar as condições. O tempo por si só não lapida ninguém, não transforma a pedra bruta em joia.
Quando pensamos em seres humanos, o tempo tem aspectos de subjetividade, pois há quem amadureça mais rápido que outros, passam por processos e experiências com maior frequência e intensidade com outros. Torna-se simplório julgar experiência, maturidade e capacidade, apenas pela idade física.


Os vinhos podem passar por processos distintos e de variedades de uvas. Por isso seu aperfeiçoamento não segue a mesma métrica. Com humanos, possuindo uma quantidade muito maior de variações, a questão é muito mais complexa. Mesmo as classificações de vinhos podem variar de acordo com região. Em Portugal, por exemplo, existe uma qualidade exclusiva, o vinho verde.


Há quem considere também vinho a fermentação com base de outras frutas, como a maçã (Chamado geralmente de "vinho de maçã"). Algumas classificações são subjetivas, dependem muito a intenção e do observador.
No caso dos seres humanos, o tamanho grau de complexidade, possibilita que possamos analisar em aspectos diferentes. Um individuo pode evoluir em algumas áreas, estagnar em outras e regredir em outras questões. Seria como se um vinho aprimorasse seu sabor, mas perdesse aroma, em uma exemplo muito simplório.


O tempo pode ser o melhor remédio, mas para quem sabe aproveitá-lo.
É possível quem ninguém consiga amadurecer em todos os aspectos, sem deixar falhas, mas é necessário o esforço para não estagnar ou regredir em questões básicas. Quando vejo pessoas chegando em idade em que se imagina alto grau de experiência, mostrando falhas em questões simples, as quais no passado tinha capacidade de agir de forma melhor, questiono se há sempre uma linha em ascensão ou a qualquer momento qualquer pessoa pode entrar em uma curva decadente.


Pessoas experientes se contradizendo a todo o momento, traindo ou indo contra tudo que propagaram a vida inteira, se deixando levar por discursos superficiais, dos quais já deveriam ter malícia o suficiente para desconfiar. Nem todos aprendem com os erros, e alguns desaprendem com os acertos. A experiência, conhecimento e outros atributos, não necessariamente ampliam o horizonte, podem também cegar, em sua soberba, ego e arrogância. Os triunfos podem gerar efeitos colaterais, apresentar defeitos que não se manifestavam anteriormente. O sucesso seduz para longe de sua essência, seja o financeiro, de status, poder, ou qualquer outro aspecto.
Nessa alegoria, não é quem bebe o vinho que tem ressaca, é a própria bebida.


Algumas bebidas já passaram. Há vinhos que eram melhores anos atrás, agora, há apenas resquícios do que já foram.




Direitos da imagem de capa:

"Mirror Mirror" originally published on DEFUZE Magazine
Photographer: Simone Chiappinelli
Model: Flavio Schettino
Stylist: Alessandro Crivellaro
Thanks to IL - Independent Label & Materieprime

Instagram: www.instagram.com/lord_orph/
Facebook: www.facebook.com/SimoneChiappinelliSC
Steller: https://steller.co/lord_orph/
Website: www.simonechiappinelli.com/

Tenho feito o que é melhor para mim, sem culpa - (Wandy Luz)

by abril 13, 2021

Texto de Wandy Luz 

Tenho feito por mim o que ninguém mais pode fazer. Tenho dito não para o que costumava dizer sim somente pelo medo de desagradar. Tenho protegido minha paz. Tenho colocado meus objetivos e sonhos no topo da minha lista de prioridades porque eu mereço alcança-los e realiza-los. Tenho me amado mais e por isso já não permito que controlem minhas emoções e comportamentos, mesmo que isso signifique que algumas pessoas precisem ir embora da minha vida. Tenho feito o que é melhor para mim, sem culpa e sem muitas explicações.




Wandy Luz: 
Wandy Luz   Colunista e Apresentadora. Moro em Londres há 11 anos. Tenho muitos defeitos para ser perfeita, mas sou abençoada demais para ser ingrata. Muitos descobrem seu dom de escrever durante a vida, eu descobri a vida, enquanto escrevia. compartilho emoções, sensações e opiniões. Compartilho em cada vírgula, em cada ponto de exclamação, as batidas do meu coração, os suspiros da minha alma, e a alegria do meu espírito Sitewww.wandyluz.com.br  
                 

Quando a vida se mostrar parada, aprenda a confiar e sentir - (Wandy Luz)

by abril 13, 2021

Texto de Wandy Luz

Se vivermos com ansiedade, medo e insegurança, não suportaremos a lentidão necessário de alguns ciclos e não saberemos apreciar a beleza, e as lições que existem no ato de soltar e confiar. Existem lições preciosas nos momentos onde tudo parece estar parado, estagnado, porque justamente nestes momentos em que a vida parece acontecer em "slow motion", é que tudo acontece. É preciso viver o hoje com consciência, respeito e gratidão para poder confiar na colheita. Afinal, se tudo o que temos plantado é bom, justo e movido pelo amor, então como não colher bons frutos? Seria contraditório dizer que temos fé se nos momentos mais desafiadores da vida não soubermos esperar com paciência, resignação e confiança. O tempo sabe. O fluxo do Universo é perfeito, e Deus nunca nos decepcionará.


Wandy Luz: 

Wandy Luz   Colunista e Apresentadora. Moro em Londres há 11 anos. Tenho muitos defeitos para ser perfeita, mas sou abençoada demais para ser ingrata. Muitos descobrem seu dom de escrever durante a vida, eu descobri a vida, enquanto escrevia. compartilho emoções, sensações e opiniões. Compartilho em cada vírgula, em cada ponto de exclamação, as batidas do meu coração, os suspiros da minha alma, e a alegria do meu espírito Sitewww.wandyluz.com.br  
                 

Nesse momento delicado, seja para os outros a pessoa que você queria que fossem pra você - (Victor Garcia Preto)

by março 23, 2021




Sobre o Autor: 
Victor Garcia Preto   
Formado em Ciências Contábeis. 29 anos, Resido Ribeirão Preto.  Tenho um perfil de textos no Instagram: @textosinceros. Segue lá.

              


________
Postei recentemente no meu perfil de escritor no Instagram (@textosinceros), a seguinte frase de minha autoria: "Nesse momento delicado, seja para os outros a pessoa que você queria que fossem pra você". Foi uma opinião sincera, baseada em muita observação recente.


No Brasil, já chagamos a um ano de pandemia, data da qual não há nada para comemorar. Escrevi em outras oportunidades que não acredito que todos os problemas que enfrentamos tornou a humanidade melhor, embora já tenha escrito também, nesse mesmo portal, que algumas vezes críticas desenfreadas a humanidade são um tanto demagogas.


O fato é que o vírus e sua consequência afeta a todos, e há muito tempo.
Todos conhecemos pessoas que faleceram por problemas causados por ela e também, se tiver um pouco de bom senso, conhecerá pessoas desesperadas, pois com o agravo da situação econômica - consequência da pandemia - é cada vez mais deprimidas e sem encontrar saída.


Como também já escrevi nesse portal, a pandemia lembra uma obra de apocalipse zumbi, em alguns momentos outros humanos são mais preocupantes que os próprios "Mortos-vivos" da história (não digo isso com a intenção de amenizar a gravidade do vírus), pois o egoísmo das pessoas e sua prepotência os levam a atitudes cruéis.


Nas últimas semanas houve intensificação dos problemas, e a pergunta que fica é: "Como está nossa conduta?"


Muitas pessoas estão compartilhando uma frase: "Sejam gentis com as pessoas, quase ninguém está bem". A frase em si é coerente, mas coloco aqui um critério para reflexão: Ser gentil está não só em tratar bem pessoas próximas que se tem afeição ou desconhecidos.


Não seria todos? Inclusive aqueles que você discorda de muitas opiniões.


Pelo fato de se sair menos de casa, pelo isolamento social e outras questões, as pessoas intensificam seu acesso a internet, e muitas vezes buscando distração, se deparam com uma metralhadora de posts e compartilhamentos; e muitos, independentemente de quem posta, ou se concorda com a ideia, contribui para pior a situação.


É óbvia a importância se informar, até para não formar opiniões equivocadas e/ou compartilhar qualquer baboseira, e é certo que divulgar algumas informações conectadas a pandemia para os demais é pertinente.

 
O que questiono, sem a intenção ofender ninguém, é se é correto o tempo todo compartilhar o tema, correndo o risco de também transmitir informações equivocadas. Bombardear os contatos e grupos no WhatsApp o tempo tudo, mesmo com a melhor das intensões, pode contribuir para prejudicar o psicológico de muitas pessoas. Ponderar nesse sentido, também é uma forma de gentileza. Falo por experiência própria, o exagero de algumas pessoas, contribui para prejudicar meu psicológico.


Muitas vezes a intensão de informar contradiz com o desejo de ser informado. É importante ter noção do que está acontecendo, mas não é necessário respirar o problema o tempo. Essa postura cria uma tensão prejudicial para si, e para os demais, quando compartilhado.


Acontece algo similar em postagens, como no Story do Instagram. Bombardeia-se com noticiais, algumas sensacionalistas, muitas de fontes não confiáveis. Posts e compartilhamentos desnecessários. No pior do casos, pelo menos cinquenta pessoas terão acesso ao item divulgado, e corre-se o risco de auxiliar no aumentando do estado de tensão de várias dessas pessoas.


Em um momento delicado, acredito que deveria haver maio grau de prudência e bom senso. Muitos querem arrotar suas verdades, compartilhando informações de páginas questionáveis, e o pior, sem checar minimamente a veracidade das informações. Criam atritos com aqueles que pensam diferente. Racham o barco, quando o intuito deveria ser unir todos que estão no mesmo barco para ninguém afundar (não unir literalmente, não estou pregando aglomerações).


Se essa pandemia fosse uma ficção, como um apocalipse, causado por zumbis, invasões alienígenas, monstros mitológicos ou um dilúvio, dificilmente alguém seria o (a) protagonista sensato (a), provavelmente todos seriam mais vilões que heróis. Principalmente aqueles que propagam com maior intensidade a benevolência. Geram atritos desnecessários. Independentemente de proposital ou não.


Há uma soberba preocupante, dentro e fora das redes sociais, mas amplificado nelas.


Se as pessoas analisassem o histórico de suas próprias postagens e compartilhamentos, iriam se envergonhar de tal hipocrisia. Não quer dizer que são pessoas ruins e sem qualidade, mas com algumas atitudes condenáveis.


Ninguém possui uma fórmula mágica, ou está imune a errar nesse momento tão delicado, mas é preciso bom senso. Não é questão de fugir da realidade ou se alienar, mas é encarar de forma sábia a complexidade do momento em que estamos vivendo. O ser humano se mostra cada vez mais imaturo. Infelizmente.



Tudo bem se as coisas estiverem levando mais tempo - (Wandy Luz)

by março 22, 2021

 

Sobre a autora: 

Wandy Luz   Colunista e Apresentadora. Moro em Londres há 11 anos. Tenho muitos defeitos para ser perfeita, mas sou abençoada demais para ser ingrata. Muitos descobrem seu dom de escrever durante a vida, eu descobri a vida, enquanto escrevia. compartilho emoções, sensações e opiniões. Compartilho em cada vírgula, em cada ponto de exclamação, as batidas do meu coração, os suspiros da minha alma, e a alegria do meu espírito Sitewww.wandyluz.com.br  
                 

___

Tudo bem se as coisas estiverem levando mais tempo do que você imaginou para acontecer. Tudo bem desacelerar, mudar a rota, mudar de ideia ou simplesmente decidir viver um dia de cada vez, sem um destino definido. Sem hora para chegar. Apenas continue confiando e sendo gentil com seu coração mesmo quando as coisas ficarem difíceis, porque existe sempre uma bênção disfarçada em cada desafio que encontramos pelo caminho.


Mesmo que as coisas não tenham saído conforme planejado ultimamente, eu espero que você continue fazendo coisas bonitas. Não coisas perfeitas, mas coisas honestas que falam sobre quem você é. Espero que mesmo nos dias nublado e sem cor você continue vendo luz em tudo. Respire fundo e siga vivendo um dia de cada vez. As coisas bonitas levam tempo. Espero que você aprenda a confiar. Mesmo que algumas folhas caiam, as suas raízes seguem firmes e mesmo que não consiga ver, muita coisa está acontecendo abaixo da superfície. Sua jornada está sendo moldada sob o solo do seu coração, e estação após estação, você cresce e floresce.


Sua jornada está sendo moldada sob o solo do seu coração, e estação após estação, você cresce e floresce. ✿ ✿ ✿


O amor o salvará do impulso de desistir de sua família. - (Walter Keppler)

by março 07, 2021

Não Desista...

Pai ou Mãe, não Desista de seu filho ou filha...

Filho ou Filha, não Desista de seus Pais...

Muitas vezes, na família, atitudes equivocadas de pais e filhos deterioram a convivência e provocam a indiferença ao ponto de induzir em desistência...


Pais desistem de Filhos que os maltratam e desacatam...

Filhos desistem de Pais que os ignoram e abandonam...

Está escrito: "...e o pai matará o filho... e o filho matará o pai...";


Essa simbologia explica o ato de desistência quando se perde o interesse por alguém que se julgava ser o Centro da Vida: o Pai Herói, o Filho Ideal...

A quebra de confiança mútua gera consequências funestas e desagradáveis, difíceis de serem superadas... Mas,...


Se houver Amor Verdadeiro, a Persistência fará com que recuperem os laços consistentes da boa convivência.


Pense nisso quando ventos negativos o levarem a querer desistir de um ente tão próximo e querido. Não se deixe envenenar pela sugestão de terceiros que somente desejam ver sua família ruir e desaparecer...

Tenha Coragem para resistir ao impulso da Desistência!

Seja Feliz e procure sempre motivos que o levem a buscar "Uma Razão A+ para Acreditar na Vida". 





Sobre o autor:  

Gestor Comercial e Produtor do PodCast Ilustrado Uma Razão A+ no Canal UMA RAZÃO A MAIS no Youtube. "Sou o que Sou e Sempre o Serei". Brasileiro, do Estado de São Paulo, vivo atualmente na Áustria. Já andei pelo Brasil inteiro e conheci pessoas, lugares e culturas das mais variadas. Quero andar pelo mundo porque onde tem gente, tem movimento, conflitos e soluções. E  por  isso  criei  meu  "slogan "  favorito que  me  acompanha  sempre: "Uma Razão A+ para Acreditar na Vida".   
Instagram: @umarazaoamais |  @walterkeppler2020 
Facebook: @umarazaoamais MeWe: https://mewe.com/i/kgwgeorg 
¹  ²         




Direitos da imagem de capa:

Doar


About me

Papicher 2014©. Tecnologia do Blogger.