Com o tempo, passamos a compreender as leis da vida, da natureza; e o que o sofrimento nos comunica

Photo by @mcasalss

Chega uma determinada hora em que você cansa, Independentemente de onde você esteja, de quem você tenha ao seu lado. Chega uma hora em que você simplesmente cansa.Você cansa de aturar por mais tempo. Cansa dessa sensação tão miserável a qual se submeteu. Cansa de receber o que não te é digno. Cansa de se encolher estremecida, sozinha, chorando.

E é nesse exato momento em que você resgata sua força. No instante em que você se esgota. No instante em que você decide estancar o sofrimento. No instante em que você desidrata. Quando você decide que pior do que está, não fica.

Sabe por quê?

Saltar para fora de uma zona de conforto não é fácil, e pode dar medo,  não é mesmo? Por isso somente uma boa dose de insatisfação e sofrimento propiciará este salto.

Com o tempo, passamos a compreender as leis da vida, da natureza e os sinais do sofrimentos, os quais começamos a receber como guias para promover a mudança nas nossas vidas. A dor é uma forma de sua natureza indicar que as situações atuais apenas precisam de mudança, de uma reconfiguração.

É neste momento em que você resgata o seu verdadeiro potencial, o qual você momentaneamente
não estava conseguindo acessar até então.

Entretanto , agora é tempo de mudança. Tempo de se respeitar o insuficiente para parar de ingerir tanta comida estragada. É tempo de olhar para dentro e se assumir; cuidar de si; arregaçar as mangas e fazer o que precisa ser feito.

Há casos em que é necessário perder peso, cabelo ou cair para só então começa a fazer o que já deveríamos ter feito. Mas, não espere chegar a este ponto.

Não pense. Sinta. Ouça o seu sentir. Escolha aquilo te faz bem. Pode dar medo, mas é uma ilusão de medo. Felicidade é, sim, customizável. Pense sobre isso!



Sobre o Autor: 
Leone Da Costa   
25 anos. Professor. Idealizador do blog Papicher. Leonino.  De tudo que tenho na minha vida; viajar, aprender e livros são minhas paixões! Mais do que isso, poder compartilhar tudo o que eu tenho aprendido até aqui. Apaixonado pela vida., I make myself .

             


Nenhum comentário

About me

Papicher 2014©. Tecnologia do Blogger.