#DiarioDeUmLouco - 2 - Uns Com Muita Idade E Muito Medo, Outros Com Tão Pouco, Ou Pouca?







Não assuste as pessoas, Salum. - diz a menina de olhos amendoados - Pessoas covardes não precisam ser assustadas, elas correm da sua própria sombra.



Eu, que sempre disse que esse mundo é uma ervilha, hahahaha… tão pequeno e novamente a maldição dos três anos me acompanha, hahahahahaha… Tom e Duda sabem do que estou falando, mas desta vez parece diferente, pelo menos espero.

Vamos sair e tomar uma cerveja? 
Claro que sim. Hoje? 
Sim. Fodeu, o tiro saiu pela culatra, eu pensando que mais uma vez ia ouvir alguma desculpa esfarrapada… aceitou.


Que almoço bom. Esse arroz com bacon está delicioso. Gostamos de gente que nos desafia, não é mesmo Salum? Diz Marta. Concordo com ela, ainda acrescento que somos movidos a desafios, que o digam Diego e Rodrigo.

Quem são?

Dois atrevidos que existem por aí.

O chá está uma delícia e eu prefiro sem açúcar.

Será que não vemos como ou o que as pessoas nos veem?
Será que somos como elas dizem ou como nos vemos?
Não sei, e agora nem me atrevo a responder, mas tem sido bom saber disso um pouco, faz bem ao ego eu diria.
E os nossos homens? De mamando a caducando.
Marta diz que já está grávida, eu como sou operado… Mas que a criança vai nascer… ah! isso vai. Doa a quem doer.
As oportunidades são como aqueles barcos que flutuam no rio chamado vida.
Já leu isso? Fui eu quem escreveu em vários outros textos, então aí eles passam quem as agarra… agarra, quem tem medo fica na beira, chupando… o dedo, hahahahahaha…
Por que será que nos excita tanto ser desafiado? Por que nossas escolhas são sempre direcionadas a este lado, e por que tanta insegurança?
Será que não somos transparentes o suficiente? Sinceros o bastante?
Tenha certeza de que sim, sempre. E isso é tão fácil e comum para nós que é uma coisa feita sem esforço algum, é da nossa natureza, da nossa essência, mas… cuidado, você pode despertar algo muito maligno aqui dentro e, nessa altura, esteja preparado para enfrentar; as escolhas… são suas.
Mas a inteligência também nos excita, sapiossexuais somos, e vocês já perceberam que isso é um elogio. Infelizmente nem todo mundo entende.
Bom, esses são aqueles que dizem que amarelaram, hahahahaha… aos 53 anos? Hahahahahahaha…
Não dá, não consigo digerir. Como diria Vânia, preciso sangrar.
Ah! e eu sempre disse que minha idade é 46 e não 36 como pensou, ou será que você está achando esses 16 anos muita diferença? Hahahahahahaha… eu não. Nem você né Marta?
É assim, parece que o sol volta a brilhar, as emoções voltam a desabrochar, os desafios, as conquistas e novamente aquele belo e largo sorriso que nunca se apagou.
O coração? Ah! este  aqui mais pulsante do que nunca, como diria uma pessoa aguardando as cenas dos próximos capítulos.

O tiro saiu pela culatra, mas esta valendo a pena, muito, tenha certeza.




Sobre o Autor: 

Hugo Salum  Marketeiro e escritor. Aquariano de corpo e alma ,curioso, autêntico e sincero (até demais). Quando escrevo, não tenho rodeios: coloco logo o que penso, de maneira clara, precisa, direta e transparente, sem deixar de fora do papel algumas pimentas&polêmicas (porque quanto mais quente, melhor!). Procuro estar sempre aberto às mudanças, pois a vida é feita de transformações, aprendizado e amadurecimento. Amo café, coleciono canecas, sou pai de três filhos lindos e maravilhosos (#paicorujasimsenhor). Estou sempre sorrindo e festejando, afinal amo viver e por isso acho que cada dia a mais neste mundo já é motivo para celebrar! Este sou eu, o Salum. (www.hugosalum.com.br).
      

Comentários:

Nenhum comentário

About me

Papicher 2014©. Tecnologia do Blogger.