Agosto, A Gosto, De Quem? - Poema





A gosto de quem?
Agosto.
Ou a gosto do que?
Talvez a gosto de quem realmente queira gostar.
Queira sentir o gosto.
A gosto de um amor, a gosto de confiança.

A gosto de acreditar que entre milhões você foi escolhido a gosto de um coração, de um sentimento.
A gosto do gosto que sinto quando gosto.
Em agosto já se podem contar alguns dias, dias em que a gosto pude… me expor, pude ir, ver e conferir.
Setembro virá, outubro, novembro, dezembro e em janeiro comemorar.
Conferir a gosto do que os meus sentimentos insistiam em dizer que era do meu gosto.
A gosto de se sentir pleno, a gosto de ter feito a escolha certa, a gosto de estar com você, de… gostar de você como eu gosto em Agosto.



Sobre o Autor: 

Hugo Salum  Marketeiro e escritor. Aquariano de corpo e alma ,curioso, autêntico e sincero (até demais). Quando escrevo, não tenho rodeios: coloco logo o que penso, de maneira clara, precisa, direta e transparente, sem deixar de fora do papel algumas pimentas&polêmicas (porque quanto mais quente, melhor!). Procuro estar sempre aberto às mudanças, pois a vida é feita de transformações, aprendizado e amadurecimento. Amo café, coleciono canecas, sou pai de três filhos lindos e maravilhosos (#paicorujasimsenhor). Estou sempre sorrindo e festejando, afinal amo viver e por isso acho que cada dia a mais neste mundo já é motivo para celebrar! Este sou eu, o Salum. (www.hugosalum.com.br).
      

Comentários:

Nenhum comentário

About me

Papicher 2014©. Tecnologia do Blogger.